Governo Bolsonaro vira as costas para a Constituição

Publicado em: 6/03/2019 | 20:38


Mal sentou na cadeira de presidente do Brasil, e o senhor Jair Bolsonaro já mudou seu discurso. Na campanha eleitoral disee que seria um "escravo da Constituição. A MP 873 provou que não é verdade.
A Fupesp repudia a Medida Provisória que altera o recolhimento da contribuição sindical. 
"É um absurdo as ações antidemocráticas desse governo, na tentiva de acabar com as instituições sindicais, bem como, com os direitos dos trabalhadores, conquistados em décadas de lutas, comete desatinos", declarou indignado o presidente da Federação, Damázio Sena.
A MP 873 publicada quando os brasileiros estavam com as atenções voltadas para o Carnaval, a maior festa popular do país, só confirma que as perseguições devem continuar até que se consiga alcançar o objetivo de promover um desmanche da organização sindical e da classe trabalhadora.
Estamos sob o ataque de forte munição. Será um teste de sobrevivência.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.