Fupesp repudia indiferença do Governo Federal com as queimadas na Amazônia

Publicado em: 25/08/2019 | 21:16


A direção da Fupesp se soma com todos os brasileiros e países do mundo a indignação com o Governo Bolsonaro com relação às queimadas desmedidas que ameaçam a Amazônia.
A nossa fauna, flora, recursos naturais, a maior biodversidade do mundo e a própria existência da humanidade estão seriamente comprometidas por decisões voltadas ao lucro cego e a qualquer preço.
O país ganhou as atenções internacionais de forma negativa e, aproveitando-se dessa situação dramática, o presidente francês Macron disse que a Amazônia é do mundo e solicitou a intervenção na área dos países ricos que compõem o G7.
A declaração do presidente francês é tão absurdo quanto o descaso do presidente Bolsonaro. "A Amazônia é do Brasil, e é dever de todos nós cobrar, exigir que o Governo assuma a responsabilidade. Não podemos ficar a mercê da interferência de outros países por causa das trapalhadas de um presidente que parece não compreender a importância do cargo que ocupa", declarou o presidente da Federação, Damázio Sena.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.